quero assinar Entrar na área VIP

Hein?

Deputado pastor que propôs semana hétero no DF já teve relações com outro homem.

por Redação MundoMais

Segunda-feira, 13 de Novembro de 2017

O deputado distrital e pastor Rodrigo Delmasso (Podemos), que essa semana propôs a aprovação de um projeto de lei que cria a Semana da Difusão da Cultura Heterossexual disse em entrevista ao site Metrópoles que já viveu experiência com outra pessoa do mesmo sexo.

O assunto foi tema do testemunho de Delmasso para fiéis da igreja há muitos anos, quando nem pensava em seguir carreira política. Ele queria, por meio de seu depoimento, convencer jovens de que era possível deixar de ser LGBT. Uma das palestras de Delmasso foi para uma plateia de seguidores da Igreja Batista. Mas ele já falou também para os discípulos da Sara Nossa Terra, comunidade da qual faz parte.

Desde que se tornou político, no entanto, nunca mais tratou do assunto publicamente. Este caso é bem delicado. Eu falei em um contexto bem interno, até porque isso foi uma etapa muito pequena da minha vida. Enfim, acho ruim, neste momento, quererem utilizar essa questão contra a minha pessoa, disse o deputado.

Não tenho problema nenhum em falar sobre o assunto. Hoje eu sou heterossexual, não por opção, mas porque eu sei que nasci assim. Se tive uma ou outra experiência relacionada à outra situação, vi que aquilo foi uma opção. Me arrependi amargamente por ter feito essa opção anteriormente, porque, na minha visão, era errada, tenta explicar o pastor.

Delmasso diz, ainda na entrevista ao Metrópoles, que não chegou a ser vitima de homofobia. Quando eu tive a experiência, foi apenas uma experiência. Não chegou a ser um relacionamento, mas uma questão sexual mesmo, por pouco tempo. Não vivi preconceito do outro lado. Mas hoje sim, na condição natural de heterossexual, eu vivo essa discriminação.

O distrital tem usado seu mandato ativamente na luta contra os direitos LGBT. Quando perguntado se tanto interesse pelo tema não pode ser interpretado como uma questão mal resolvida com sua sexualidade, Delmasso afirma que é muito bem casado. Quando conheci minha mulher, aliás, a primeira coisa que contei para ela foi essa situação. Disse: 'Fiz isso, mas não faço mais’. Já que se casaria comigo, tinha de saber. Depois daquela experiência pontual, tive várias experiências heterossexuais. Casei e hoje não tenho dúvida alguma sobre minha sexualidade. Sou heterossexual, sem sombra de dúvida, afirma.

Semana Hétero

Seguindo os trâmites da Casa, o PL que cria a Semana da Difusão da Cultura Heterossexual proposto por Delmasso deve passar pela análise de membros da Comissão de Direitos Humanos da CLDF. O presidente, o deputado distrital Ricardo Vale (PT), comentou o projeto. O parlamentar diz achar a proposta “extremamente ruim” e um meio de “acirrar a intolerância e o preconceito contra as minorias”.

Quem sofre agressão são pessoas da comunidade LGBT, mulheres e negros. Ele só criou esse projeto para combater as lutas de minorias que têm o sentido de garantir seus próprios direitos, disse Ricardo Vale.

Comentários (15)

Atenção: Insultos e comentários em desacordo com o tema poderão ser despublicados.

  • em 16-11-2017 às 11:05 Zé Mandioca
    Conheço muitos heterossexuais assim, igualzinho a esse moço. Casados, com filhos e fundamentalista em suas posições. Mas que vivenciam no submundo dos banheiros , vestiários, cinemas pornográficos e aplicativos uma sexualidade descontrolada , cheia de excessos e muitas vezes ainda se apaixonam por machos da vida secreta que , por mais que neguem, é a sua vida real. Cansado desse tipo de cara, já fui vítima de um tipo desse que transava comigo todo dia, depois ia jogar futebol com os amigos e falar mal de viado. Apesar de ser atraente fazer sexo com falsos heteros(hetero de verdade, não sente desejo por outro do mesmo sexo), não vale a pena. São seres menores , esses que optam por se esconder e perpetuar o preconceito contra outros na sua mesma condição.
  • em 14-11-2017 às 21:34 Diego SP para Julio
    Texto magnífico.... Só acho que o hetero não é o bicho papão. Se não fossem meus pais heteros, por exemplo, não estaria aqui. Com relação a bíblia, tem um vídeo de um cara chamado Murilo do canal MURO PEQUENO com o título " o que a bíblia não diz sobre a homossexualidade". Esse desmitifica os argumentos dos religiosos contra os gays, mas de forma espetacular mesmol.. Ele é um cara estudioso do assunto. Vale à pena assistir.
  • em 14-11-2017 às 20:58 Maria clara
    A pessoa pode ter uma experiência sexual só para saber como é, e pode não gostar ou gostar. Existe gays que tentam se relacionar com uma mulher pra ver se conseguem e gostam, mas eles não conseguem e nem gostam, o mesmo pode ter acontecido com esse safado, ele tentou pra ver como era, e nao gostou, isso não quer dizer que ele se curou de algo. Até pq a homossexualidade é natural
  • em 14-11-2017 às 20:54 julio
    Quando um gay fala que não escolheria ser gay eu me pergunto! Pra que ser hétero? Héteros são os responsáveis por todas as mazélas e miséria humana, são os que criam as guerras e os horrores que vemos diariamente, são os que criaram as regras morais que não passam de hipocrisia e falso moralismo, pois eles só seguem o que convém e quando convém. Nazismo, genocídios, escravidão, fobias e uma infinidade de coisas ruins, tudo proveniente do heterossexual. Na religião, o próprio se dá um tiro no pé, primeiro porque deixa bem claro que a maldição da humanidade foi desobediência de um casal hétero, depois o assassinato do messias (Jesus) cometido pelos clérigos héteros e apoiado pela sociedade heteronormativa da época, gays naquela época eram assassinados pelas "leis de Deus", então não participamos do maior assassinato da história da humanidade! Se lerem a bíblia, verás que os héteros são os que fizeram todas as merdas e quando tentam acusar os gays, usam a tentativa de estupro em Sodoma e Gomorra, sendo que essas cidades eram heteronormativas! O pior é Deus matar um monte de crianças nessas cidades mas considerar uma família de um incestuosos como justa!!! Enfim, somos acusados apenas por regras inventadas pelos héteros, leis e ideologias vazias e mentirosas que até aos dias de hoje continuam matando pessoas (Oriente Médio). Sabe qual é o erro do gay? Existir, porque não temos nada que nos acuse! Não somos perfeitos, mas estamos longe de sermos iguais aos héteros, ainda bem que não somos! O importante é aceitar quem somos e ter orgulho disso, procurar ser feliz e não se prender a regras e costumes criados pelos héteros que fazem os próprios fracassarem! Tenha orgulho de quem é, tenha orgulho de ser gay!
  • em 14-11-2017 às 20:53 Gio
    As denominações evangélicas, a maioria (não generalizando), mas principalmente as maiores que estão sempre na mídia com horários pagos, argumentam que o homossexualismo é escolha. Como no caso citado que estou utilizando como exemplo, é difícil entender como alguém escolhe ser gay, quer seja homem ou mulher. Que nem o Jô soares disse uma vez a um pastor em seu programa de entrevista: "Como que alguém escolhe ser gay? Tipo assim, o rapaz esta pensando em que vai ser , ai ele pensa: advogado? Talvez. Médico? não sei! Gay? hum, isso sim. Já sei, eu vou ser gay, nunca vou me casar ou ter filhos, vou sofrer o preconceito e discriminação de toda minha família e da sociedade e ainda por cima ser condenado ao inferno cristão por toda a eternidade. É isso Vou escolher ser gay" Essa ironia do apresentador Jô Soares, reflete o pensamento de muitos cristãos, que a pessoa acorda um belo dia e escolhe ser gay. Se você tentar obrigar a um heterossexual a ter relações com outro homem, ele não vai conseguir. Porque para o homem, é diferente da mulher a relação sexual, uma vez que o homem depende de uma ereção. Por isso que existem mais homossexuais assumidos do sexo masculino que o feminino, porque muitas mulheres, mesmo que não sintam atração ou desejo pelo sexo oposto, conseguem ter relações sexuais com o mesmo e ainda engravidarem e gerarem filhos. E da mesma forma, o homem que é homossexual não conseguiria ter relações sexuais com o sexo oposto.
  • em 14-11-2017 às 20:51 É um Absurdo tudo isso.
    Ele pode até ter tido uma experiência homo, mas isso não quer dizer que ele se curou de algo, até pq a homossexualidade é uma condição natural tbm, o máximo que ele pode ser é bi, e hj está com uma mulher, mas pode a qualquer momento se apaixonar por um homem. Mas o que acho mais provável que ele está vendendo essa história apenas para conseguir mais fiéis, até pq se existisse uma cura, todos os homo que vão para a igreja deveriam parar com o desejo homo, mas eles apenas reprimem os sentimentos, param de praticar, mas nunca para com o desejo.
  • em 14-11-2017 às 08:13 Marcos
    Não é o que todo mundo faz aqui !!!! ????? Da ou procura um cu !!! Deixa o cara na dele !!!!! Todos podem ter experiência ...pode gostar ou não .... Viado é uma bicho muito chato e indecente !!!!!!!!!
  • em 14-11-2017 às 03:03 Beto
    Será mesmo que ele teve experiência? Pode ter tido, como pode não ter tido. Lembre-se que igrejas evangélicas amam pessoas com diversas histórias os quais possam usar para atrair mais fieis e assim ter mais dízimos em seus caixas. Ele pode estar falando a verdade, como também pode estar inventando, assim fala uma história, o povo se comove e pronto... A Igreja curou ele, pois hoje em dia, não é nem Deus, é a igreja vendendo milagres. E isso é um perigo, pois nem todas histórias de superação que as igrejas falam, eu não acredito. Vamos dar um exemplo, igrejas que tem a ideologia da prosperidade como Universal e outras, nossa, o povo doa seus dízimos todo o mês, mas a quantidade de fieis passando aperto é alto, enquanto os pastores e líderes delas, cada vez mais bem de vida.
  • em 14-11-2017 às 02:13 yury
    Cada viado que cuido do seu cu, ou povo chato da porra, cuidam do rabo dos outros e esquecem o seu.
  • em 13-11-2017 às 20:57 Julim
    é isso ae MG, falou tudoooo...Boi Preto conhece outro Boi Preto...ate de costas...kkkkk...esse ae gosta de uma kceta e muuuito...me engana q eu gosto vai...
  • Mostrar mais comentários...