Assine o MundoMais

Parada Gay 2011

O tema da 15ª Parada LGBT de São Paulo questiona o conservadorismo religioso.

por Redação MundoMais

Segunda-feira, 07 de Fevereiro de 2011

A 15ª edição do Mês do Orgulho LGBT de São Paulo tem seu tema definido: "Amai-vos uns aos outros: basta de homofobia!" – 10 anos da Lei Estadual 10.948/01". O objetivo dos organizadores é questionar a moral religiosa conservadora, que vem se reafirmando como uma das principais oposições ao avanço da cidadania e dos direitos humanos de lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais (LGBT) no Brasil e no mundo. O lema também celebra a primeira década da lei paulista anti-homofobia e destaca a necessidade de ampliação da conquista para o nível federal. Neste ano, a Parada do Orgulho LGBT ocorre em 26 de junho, tradicionalmente na Avenida Paulista e Rua da Consolação.

O tema do 15º Mês do Orgulho LGBT de São Paulo também faz referência aos 10 anos da Lei Estadual 10.948/01 – de autoria do ex-deputado Renato Simões (PT) e sancionada pelo governador Geraldo Alckmin (PSDB) – que penaliza indivíduos, organizações e empresas públicas ou privadas que praticam a discriminação contra LGBT. A lei proíbe atos de violência, constrangimento e intimidação em razão da orientação sexual, incluindo a vedação de ingresso a locais abertos ao público, seleção e sobretaxa de atendimento em comércio e a inibição da livre expressão e manifestação de homoafetividade.

"Vamos destacar a importância da apropriação da lei por parte da população LGBT. O Legislativo paulista cumpriu a sua parte, mas depende da gente fazer valer nossos direitos", diz Ideraldo Beltrame, presidente da Associação da Parada do Orgulho GLBT de São Paulo (APOGLBT), entidade responsável pela organização da atividade.

O Mês do Orgulho LGBT de São Paulo é o calendário anual de atividades sócio-politico-culturais promovido pela APOGLBT a fim de defender a cidadania e direitos humanos da população LGBT, assim como educar a sociedade para o fim da discriminação e preconceito. Nos últimos anos, os temas abordados foram "Vote contra a homofobia : defenda a cidadania!" (2010), "Sem homofobia, mais cidadania – Pela isonomia de direitos! (2009),"Homofobia mata! Por um Estado Laico de fato!" (2008),"Por um mundo sem machismo, racismo e homofobia!" (2007) e "Homofobia é crime! Direitos sexuais são direitos humanos" (2006).

A Parada Gay de São Paulo em 2011 promete ser um grande evento, já que será a edição de número 15 e deve receber um público ainda maior do que no ano de 2010, quando a estimativa foi a de que mais de 3,5 milhões de pessoas tenham participado. O evento contará com policiais bilíngües para atender os turistas estrangeiros.

Além da 15ª Parada do Orgulho LGBT, em 2011 é realizada a 9ª edição do Ciclo de Debates, a 11ª Feira Cultural LGBT, o 11º Prêmio Cidadania em Respeito à Diversidade e o 11º Gay Day.

Comentários (31)

Atenção: Insultos e comentários em desacordo com o tema poderão ser despublicados.

  • em 04-04-2011 às 11:19 bettougly
    A MAIOR LEI É O RESPEITO! todos temos o direito de manifestar: pensamentos, opiniões, jeitos e trejeitos;há preconceito por todos os lados(negros, pobres, feios,gordos ou magros)estes tambem sofrem preconceitos, mas, nem por isso saem por ai avacalhando, criando milicias, leis inconstitucionais, culpando as religiões(o que na verdade a maioria desse pessoal que" si dizem" gays querem é deprevação moral em plena praça publica) pois muitos infiltram-se nestes movimentos so para causarem dissenções, intrigas, ruins suspeitas, incitarem a violencia; o que seria mais proveitoso para esses grupos LGBT era prestar mais atenção nos "hipocritas coloridos" que se dizem estar do lado deles e esquecer a sociedade, ou do contrario devemos interpretar que os mesmos estão querendo descontar as agressões sofridas por meia duzia de (preconceituosos agressivos) em toda uma sociedade que sempre os viu como mais uma pesssoa que tem direitos a RESPEITO.
  • em 22-02-2011 às 22:55 CHEGA
    CHEGA DE PARADA GAY ISSO E UMA PALHAÇADA CHEGA...
  • em 22-02-2011 às 22:52 oiii
    PARADA GAY SO TEM BAIXARIA CHEGA...
  • em 15-02-2011 às 07:24 marcelo sp
    seria muito bom acaba com estar parada gays so tem palhaçada
  • em 15-02-2011 às 04:56 Jeff
    o tema é muito bom e adequado para combater a hipocrisia da maioria das pessoas que se dizem ou realmente se acham boas, que vivem de religiões a qual a base e o exemplo do proprio cristo é o amor.O meu convívio é com religiosos que vivem uma verdadeira mentira, e a coisa que eu mais desejo é que esse Deus deles e o céu realmente existam, porque concerteza Deus vai fazer justiça e o céu que tanto eles desejam eles não vão ter é muito mais facil eu ir morar lá.
  • em 14-02-2011 às 00:25 William
    * Estarei lá linda de prancha japonesa arrassando* Aliás, nós sempre arrassaremos né irmãs !!!!!
  • em 13-02-2011 às 18:39 Lúcio Tedeschi
    Ae este RICARDO PESSOA LINDENBERG mandou muito bem. Até que enfim um pouco de luz na escuridão. Assino embaixo, no caso aqui, acima. :-)
  • em 13-02-2011 às 11:25 RICARDO PESSOA LINDENBERG
    Já é bem tem de se terminar com esse evento chamado Parada Gay, algo que os héteros não tem, as mulheres não tem, os evengélicos este tem, e precisava terminar também. Não sendo para uma causa plasível, deve ser banida quaisquer especie de manifestação improdutiva, que aglomera tantas pessoas de modo fútil e inexplicável. Mas uma manifestação pessoal e ou comunitária deve sim a qualquer tempo existir. Para reinvindicar a aprovação de um projeto de lei, ou contestar a uma ocorrência danosa, ou um outro motivo que justifique tamanha força de aglomeração. Carnaval por carnaval, já se tem o oficial. Mas, como já sugeri uma ocasião, uma virada cultural gay, viria mais a calhar. E durante a mesma, inúmeros projetos beneficentes promovidos pela comunidade, além de uma rica oportunidade de acesso de membros da comunidade a serviços públicos, teatro, cinema, televisão, espetáculos diversos, etc. E a comunidade fazendo e recebendo o bem.Salão de cortes para carentes, bem por aí. por um dia ou dois dias, banhos, cursos, em âmbito nacional.Fotografias, expedição de documentos, exames médicos, dentistas, doação de sange, visitas a penitenciárias, hospitais, fóruns de discussão. pô!!! Creio que está se esperdiçando numa parada (sinônimo de estagnação) um tempo precioso cuja energia contida poderia ser canalizada para algo mais afirmativo. Coloquem em plebiscito!!! Parada versus Virada, o que é mais produtivo politica e socialmente para todos?
  • em 12-02-2011 às 19:13 Dannyzinho
    Eu tô é loca para me jogar na pista, já preparei minha fantasia de besta dos infernos para todos as câmeras me clicarem. A-d-o-r-o causar.
  • em 11-02-2011 às 22:18 Justin
    Ninguém precisa nos aceitar. Concordo com o Roger. Amigos, assistam QAF. Prestem atenção no que diz o Brian, suas palavras valem mais que uma Parada do ORGULHO Gay. Eu não tenho orgulho de ser gay, assim como ninguém deve ter orgulho de ser hetero. Temos de ter orgulho do que somos como profissionais, pessoas, cidadãos, pais, filhos, amigos. Eu tenho orgulho de ser uma PESSOA boa, inteligente e que acredita no bem.
  • Mostrar mais comentários...