Assine o MundoMais

Festa e protesto

Nova York recebeu recorde de pedidos de casamentos gays no 1º dia em que a lei vigora no Estado.

por Redação MundoMais

Segunda-feira, 25 de Julho de 2011

Nova York começou a celebrar na manhã deste domingo (24) os primeiros casamentos entre gays da sua história, marcado pelo recorde de bodas realizadas na cidade, no primeiro dia em vigor da lei estadual que reconhece o casamento de casais do mesmo sexo.

"Dez, nove, oito, sete, seis, cinco, quatro, três, dois, um.., Aceito!", gritaram entusiasmados os casais quando foram abertas as cercas de metal colocadas na porta de um cartório de registro civil, por volta das 8h30, horário local, no número 141 da rua Worth, no sul de Manhattan.

Por causa do excesso de pedidos, a prefeitura anunciou na terça um sorteio para designar o matrimônio de 764 casais, um recorde para a cidade.

As ativistas dos direitos dos homossexuais, Kitty Lambert e Cheryle Rudd foram as primeiras a se casar legalmente, em cerimônia realizada logo após 0h na madrugada deste domingo (24).

Na fila era possível ver muitas sombrinhas coloridas para suportar o sol e o calor que afetam a cidade nos últimos dias. Muitos casais vestiam roupas elegantes enquanto outros optaram por roupas mais chamativas.

Do outro lado da rua, na esquina do cartório de Manhatam, uma dezena de pessoas contrárias ao casamento entre homossexuais vaiavam.

Recorde

O estado de Nova York tornou-se, no dia 24 de junho passado, o sexto estado americano, e de longe o maior, a autorizar o casamento entre gays. Nova York, a cidade mais populosa dos Estados Unidos, conta com mais de 8 milhões de moradores.

Ao todo, a prefeitura de Nova York - a cidade mais povoada do país, com 8 milhões de habitantes - esperava neste domingo um recorde de 823 casamentos, na maioria entre homossexuais. Até hoje, o maior número de casamentos em um só dia era de 621, no dia 14 de fevereiro de 2003.

O prefeito Michael Bloomberg e a presidente do Conselho Municipal, Christine Quinn - uma homossexual militante-, tinham anunciado no começo de julho que a cidade faria um esforço excepcional e abriria os serviços municipais neste domingo para enfrentar o fluxo esperado.

Os casamentos foram realizados nos cinco distritos da cidade: Manhattan, Bronx, Staten Island, Queens e Brooklyn.

O próprio Bloomberg tinha previsto oficiar no fim do dia o casamento de dois de seus colaboradores homossexuais em Gracie Mansion, a residência oficial dos prefeitos de Nova York, uma mansão do século XVIII localizada num parque no Upper East Side.

Phyllis Siegel (esq.) exibe o certificado de casamento com Connie Kopelov, neste domingo (24).Phyllis Siegel (esq.) exibe o certificado de casamento com Connie Kopelov, neste domingo (24).
Margie J. Phelps protesta em frente a cartório de Manhattan contra casamentos de pessoas do mesmo sexo, com cartazes com mensagens como: Margie J. Phelps protesta em frente a cartório de Manhattan contra casamentos de pessoas do mesmo sexo, com cartazes com mensagens como: "Deus odeia casamento gay"
Fonte: G1
Comentários (23)

Atenção: Insultos e comentários em desacordo com o tema poderão ser despublicados.

  • em 29-07-2011 às 17:06 De Igor para Daniel
    Daniel, o "carinho" certamente foi uma ironia, mas não é qualquer um que entende uma ironia, você parece ser uma pessoa bastante limitada, pelas idéias e pela escrita que apresenta. Por fim, você vai morrer chamando-me de "bichinha" que não vou ofender-me, não perca seu tempo. Isso ofendia nos anos 80 e 90. Idiota é quem pensa que isso ofende, tenho o maior orgulho de ser gay, ser assumido, ser bem resolvido e ter tantas bênçãos como tenho. Um abraço.
  • em 29-07-2011 às 16:52 de Daniel p Igor
    Entao ta bom enquanto vc nao respeitar o modo de pensar das pessoas, ninguem vai te respeitar como vc é ``bichinha`` por isso te digo:Fica na tua que eu fico na minha e nao mande nada com ``carinho`` pra mim que eu ja tenho qm me de.....Abraço meu caro
  • em 28-07-2011 às 18:56 De Igor para Daniel, com carinho :)
    Primeiro, meu caro, eu não me "meti" em comentário algum, se escreveste em um fórum, assumiste o risco, quem escreve o que quer, lê o que não quer. Segundo, o mundo ficará seguro quando mais e mais "bichinhas" como eu e o Rafa se assumirem; perigoso estará com incubados como tu, que são os maiores homofóbicos, existirem. Terceiro, não precisa lembrar-me, percebi a sua falta de educação. Uma pena. Antes "bichinhas" educadas como nós do que incubados metidos a trogloditas como tu (e talvez troglodita sob o manto da internet e do anonimato, deves urinar nas calças ao vivo e a cores...).
  • em 27-07-2011 às 16:40 resposta p/ Igor e Rafa
    Se vc se considera tao educado Igor, pq entrou em meu primeiro comentario, nao era nada com vc nao se meta ond nao é chamado e eu nao tenho nem 1 pouco de vontade de ser educ com vc......flw Rafa eu pretendo me assumir quando nao existir mais bixinha ihual a vc e o Igor, dai o mundo fica mais seguro e os gays q ainda nao assumiram tb........
  • em 27-07-2011 às 13:55 Rafa
    Daniel o que voc~es faz em um site gay? Quando pretende se assumir?
  • em 26-07-2011 às 21:16 De Igor para Daniel
    Daniel, meu caro, teus dois últimos comentários ficarão sem resposta. Serão solenemente ignorados. Definitivamente, tu não estás no meu nível e não irei jamais rebaixar-me a tipinhos da tua laia, vai de encontro à minha educação. Abraços. :)
  • em 26-07-2011 às 19:31 Para Igor
    Fica sonhando ai mona com uma pica no olho do seu cu
  • em 26-07-2011 às 18:45 Resposta ao Igor
    Vcs stao parecendo a bela adormecida , sonhando com um casamento kkkkkkkkkkk bicha redicula
  • em 26-07-2011 às 18:30 RESPOSTA AO KAKA 2
    Serve para garantir o direito de: # Adoptar o sobrenome do parceiro/a # Poder somar a renda para aprovar financiamentos # Somar renda para aluguel móvel # Inscrever o/a parceiro/a como dependente de servidor público # Incluir o/a parceiro/a como dependentes no plano de saúde # Participar de programas do Estado vinculados à família # Inscreveo o/a parceiros como dependentes da previdência # Poder assumir a guarda do filho do/a cônjuge # Adotar filhos em conjunto # Poder adotar o filho do/a parceiro/a # Têr licença de maternidade ou paternidade se o/a parceiro/a adota um filho # Direito à visita íntima na prisão # Acompanhar a parceira no parto # Autorizar cirurgia de risco # Têr suas ações legais julgadas pelas varas de família # Têr direito a concorrer a herança com os pais do companheiro, na falta de descendentes destes # Têr o direito a ser considerado herdeiro "necessário" do companheiro # Têr direito a assistência alimentar # Têr direito a proteção legal que determina que o companheiro deve declarar interessa na preservação de sua vida, na hipótese de seguro de vida .... E A LISTA CONTINUA, é uma pena não poder colocar o link para a fonte e poder ver aos "78 DIREITOS NEGADOS AOS HOMOSSEXUAIS"
  • em 26-07-2011 às 17:50 Igor
    Daniel, o Willian está certíssimo e fez um belo comentário. Essa consciência de que envelhecemos é fundamental e o fato de duas pessoas idosas, juntas e buscando a dignidade do seu amor, é LINDO. Agora ridículo é você, Daniel, escrevendo rEdículo, escrevendo imbecilidades e chamando os outros de "mariconas" em sites pornô gay. Na certa você nem sabe porque está aqui, não é? IDIOTA.
  • Mostrar mais comentários...