quero assinar Entrar na área VIP

Desejo reprimido

Pesquisa já mostrava, há 15 anos, que homofóbicos têm desejo pelo mesmo sexo.

por Redação MundoMais

Quinta-feira, 22 de Março de 2012

Da ficção para a realidade: em Fina Estampa (Globo), Baltazar agride Crô, mas demonstra que tem sentimento pelo mordomo gay.Da ficção para a realidade: em Fina Estampa (Globo), Baltazar agride Crô, mas demonstra que tem sentimento pelo mordomo gay.

No caso, a constatação refere-se a um estudo realizado na Universidade de Georgia, nos EUA.

Embora a pesquisa tenha sido feita há 15 anos atrás, ela encaixa-se em um contexto atual, tendo em vista toda a discussão que tem acontecido em torno do casamento igualitário, da criminalização da homofobia, e por aí vai. Ou seja, comentar o estudo ainda é relevante. "A homofobia está aparentemente associada à excitação homossexual, que o indivíduo homofóbico desconhece ou nega", apontam os pesquisadores.

Antes de tudo, os especialistas perguntaram a homens heterossexuais o quão confortáveis eles se sentiam ao redor de homens gays. Com base nesses resultados, dividiram os voluntários em dois grupos: os que exibiam sinais de homofobia (com 35 participantes) e os definitivamente não-homofóbicos (neste grupo, 29). A partir daí, começou o teste.

Todos os homens foram colocados em salinhas privativas para assistir a vídeos “quentes”, de quatro minutos cada: um mostrava cenas de sexo entre um homem e uma mulher; outro, entre duas mulheres. O último deles, mostrava cenas de sexo entre dois homens. Enquanto a sessão se desenrolava, um aparelho, ligado ao pênis de cada participante, media o nível de excitação sexual de cada um. A engenhoca, segundo os cientistas, era capaz de identificar a excitação sexual sem confundi-la com outros tipos de excitação (como nervosismo ou medo).

Eis os resultados: enquanto assistiam aos vídeos de sexo heterossexual ou lésbico, tanto o grupo homofóbico quanto o não-homofóbico tiveram “aumento da circunferência do pênis”. Em outras palavras, gostaram do que viram. Mas durante o filminho gay “apenas o grupo homofóbico exibiu sinais de excitação sexual“, afirma o estudo. Pois é, eles até disseram que preferiam manter distância dos gays. Mas seus pênis contaram outra história.

Comentários (27)

Atenção: Insultos e comentários em desacordo com o tema poderão ser despublicados.

  • em 09-04-2012 às 20:30 osmar
    KD O COMENTARIO DO HAULO GOSTARIA DE LER,ONDE ESTA A DEMOCRACIA O QUE DIZIA QUE APAGARAM IMAGINA SE NÃO FOSSE UM SITE DE GAYS
  • em 04-04-2012 às 16:58 saulomarque@hotmail
    Olha que ja fui homofobico por medo de ser gay ,tenho sentimentos por homens desde os 5 anos mais sempre me polia e recriminava afinal fui casado por 11 anos e hj ela é minha melhor amiga, depois aos 30 me assumir hj com 31, fiquei mais calmo os homofobicos estao sofrendo , é problema deles e como uma peça que não se encaixa eu descobrir porque nao me assumir antes hj tenho muito vontade de fazer o que me reprimia e como uma barragem gigantesca que a 30 anos acumula aguá ao se assumir a barragem estoura e acaba com tudo a sensacao agora apos um ano e que estou construindo uma cidade melhor mais moderna e com muita fome e sede de ser feliz ... e como se São Paulo tiveste 900km de linhas de metro agora antes apenas 78km de linhas de metro
  • em 30-03-2012 às 11:18 P/Fabio
    Ai bicha,como vc sabe disso??Vc conhece 90% dos homens do mundo??Sem falar que se isso fosse verdade nós gays tb sentiriamos desejos por mulheres pois é o "diferente".Longe disso!
  • em 29-03-2012 às 08:36 fabio
    sexo esta na mente e a mente humana e mas fantasiosa do que se pode imaginar principalmente a masculina tudo que é provocante pra eles e excitante e todo homem mesmo que goste do sexo oposto 90% tem fantasias sexuais com outros homens sim pelo fato do ser diferente mexer com a mente e provocar desejos variados ....
  • em 25-03-2012 às 07:06 Fuego
    Loka tú se foe muy maravilloso en su comentrio. Me gustó muho, porque todo eso es verdad.
  • em 25-03-2012 às 00:07 ANDRÉ,estudante de Psicologia
    Está na hora de renovar este experimento! Pois o grande problema vivenciados pelos homo e bi é sem duvida a homofobia seja ela externa,atraves da violencia manifesta ou internalizada,quando a pessoa sofre por ter esta orientação sexual. Todavia um caminho seguro é a auto-aceitação isso é terapeutico!
  • em 24-03-2012 às 22:49 Lucas
    Qualquer gay sabe que todo homofóbico é um homo ou bissexual enrustido. Isso não é novidade nenhuma! Só é novidade para as topeiras de plantão. FATO
  • em 24-03-2012 às 13:34 Passiva
    Pra mim, não existe homofobia...existe bicha enrustida e mal resolvida! É do ser humano isso...se eu quero e não posso ter/ser...eu agrido o que tem/é...pois é a forma de protesto do outro, pela felicidade de quem se assumiu e vive bem assim... O hetero de verdade, o convicto, fica feliz com as bibas...estatisticamente, sobra mais mulheres pra eles! Pq se irritar então? Pq aquilo te incomoda, pq aquilo deflagra algo q no fundo vc quer ser...fato!
  • em 24-03-2012 às 02:18 a loka
    Esses homofóbicos são perigosos. cuidado com eles. Eles agridem e matam se puderem. Eles possuem varias faces, aparecem, comem sua bundinha e depois te matam. Cuidado! Todo cuidado é pouco. Vamos nos valorizar e não cair mais nas garras desses maníacos. quando a esmola e demais o santo desconfia.
  • em 24-03-2012 às 01:45 A loka
    Qualquer gay sabe que todo homofóbico é um homo ou bissexual enrustido. Isso não é novidade nenhuma! Só é novidade para as topeiras de plantão.
  • Mostrar mais comentários...