Assine o MundoMais

Boicote

Após protestos, Avon retira livros da editora do pastor Silas Malafaia de seu catálogo.

por Redação MundoMais

Quarta-feira, 20 de Junho de 2012

No início de abril, ativistas LGBTs independentes, reunidos em um grupo no Facebook, iniciaram um abaixo-assinado para que a a Avon deixasse de revender qualquer livro da Editora Central Gospel, cujo dono é o pastor Silas Malafaia, que se auto-intitula aparentemente com muito orgulho do título de inimigo público número um do movimento LGBT brasileiro.

Em meados do segundo semestre de 2011, já havia notícias da compra de um lote de 400 mil livros da Editora Central Gospel por parte da Avon. Ativistas LGBTs iniciaram a manifestação após constatarem pessoalmente que tais livros realmente estavam sendo comercializados nos catálogos da empresa, paralelamente ao lançamento, pela Editora Central Gospel, de um livro explicitamente homofóbico e sem base científica alguma, denominado “A Estratégia: Os planos dos homossexuais para transformar a sociedade”. O autor, um pastor norte-americano, envolvia-se com esquemas de corrupção ao mesmo tempo em que fazia sua cruzada contra os direitos LGBTs.

Os protestos contra a revenda de tais livros pela Avon se espalharam pelas redes sociais, na medida em que as respostas individuais dadas pela empresa via e-mail aos ativistas LGBTseram padronizadas e insatisfatórias, o que levou a Avon a emitir uma nota no seu Facebook sobre o “respeito á diversidade” da empresa:

Enquanto tal avaliação era realizada e a solução não era apresentada, o protesto ganhava adesão internacional e repercussão na imprensa nacional, com direito a uma brilhante resposta do editorial da revista Carta Capital aos ataques infundados do Pastor Silas Malafaia, enviados diretamente à revista.

Editorial da revista Carta Capital:

Após toda essa organização, manifestação e repercussão, a Avon divulgou dia 13/06/12 o seu novo folheto “Moda e Casa” – Campanha 12/2012 – e, ao verificar a seção “Livraria”, nota-se que não há mais nenhum livro da Editora Central Gospel sendo revendido nesta atual campanha, como era revendido até a campanha anterior.

A Avon ainda não emitiu nenhuma nota se posicionando oficialmente e esclarecendo formalmente os motivos que levaram a retirada dos livros da Editora Central Gospel do seu atual catálogo e campanha, nem se tal retirada é provisória ou definitiva. Esperamos que tal comunicado seja feito, devido à proporção que o caso tomou e em respeito a todos os seus clientes, sejam eles simpatizantes da causa LGBT ou não.

Até que a Avon dê um pronunciamento final e encerre este caso, parabenizamos pontualmente a multinacional por retirar do seu catálogo livros de uma editora cujo dono utiliza parte do que arrecada financeiramente para promover e financiar uma campanha de ódio contra os direitos da população LGBT brasileira.

Parabenizamos também a cada um, ativista LGBT e simpatizante, que acreditou e ajudou de alguma forma a levar adiante essa campanha de boicote e alerta à Avon que, diferente de livrarias tradicionais, é reconhecida internacionalmente como uma empresa pró-LGBT.

Para encerrar, aos críticos à campanha de boicote, deixo uma transcrição de parte de um brilhante texto do jornalista e ativista Luiz Henrique:

Este é um boicote para que uma empresa cuja matriz é considerada pró-LGBT pare de oferecer nacionalmente o portfólio de um líder evangélico cujas ações rotineiras são a de um ativista antigay. De um senhor que disse, para o jornal mais importante do mundo: eu sou o inimigo número 1 do movimento gay brasileiro. Porque ele usa este dinheiro para barrar a cidadania LGBT. Porque ele usa este dinheiro para transmitir programas em que ataca o movimento LGBT brasileiro em rede nacional aberta. Porque ele usa este dinheiro para viajar (de jatinho) para quantas audiências e seminários quiser no Congresso Nacional. Porque, afinal, ele usa este dinheiro para fortalecer ainda mais seu lobby anti-LGBT nas duas Casas Legislativas deste país e mesmo no Executivo Federal. Se estas razões não são suficientes para alguém que ou é ativista LGBT ou se considera um aliado combater esta pessoa, penso que seja necessário rever o que é ser homofóbico e o que não é –independentemente do que ele tenha escrito nos livros.

Comentários (67)

Atenção: Insultos e comentários em desacordo com o tema poderão ser despublicados.

  • em 04-09-2012 às 23:59 Eu do risada
    ate parece que conseguiram, tirar os licros, procurem saber os fatos e depois postem coisas, isso e uma inverdade pois continua sim, e outra sou gay e nao vejo ele pregar odio contra nos gay, ele prega o que ele acha errado uai, livre arbitrio, ele nunca mandou ninguem bater num gay, e aquele video frajuto que montaram deu errado neh vixi.
  • em 30-06-2012 às 19:49 Falei
    Esse Silas Malafaia é a pura maléfica e pronto.Toma pósse desta cabeça em nome de jesus!
  • em 29-06-2012 às 16:37 dario
    parabéns a todos que fizeram seus comentários!!!!! vamos boicotar esse ser do mal. Parabéns avon!!!
  • em 28-06-2012 às 07:24 ernane
    esse fanatico que se acha dono da verdade,e acima do bem e do mal.bem que poderia sofre outras perdas financeiras,pois acredito que e a ganancia e uzura são sua mola empulsora.nem que para isso seja preciso hostilizar as pessoas ,diminuindo-as segregando-as.alguem tem que para-lo,repudiando essas praticas.
  • em 28-06-2012 às 07:09 ernane rodrigues
    tenho pena desses charlatões,que usam o santo nome de Deus em vão para samear o odio. a indiferença eo preconceito.fico mas chateado porque um bando de alienados e pessoas incaltas e quem patrocina esse falso moralista.esse individuo e tão hipocrita que fala dos seu proprios seguidores,nuhuma lavação de roupa suja a nivel nacional.muito cuidado com esse jim jhones ,o pastor fanatico e lá levou dezenas de pessoas ao suicidio, nunca e tarde lenbrar.
  • em 28-06-2012 às 02:29 Get Stupid!
    tem é que retirar msmo essas pohas que ele chama de livro, ele faz questão de fazer qualquer coisa para acabar com os Gays, temos que fazer qualquer coisa para acabar com esse enrustido do kralho...
  • em 27-06-2012 às 21:42 JUAN
    É MENTIRA ESSA MATÉRIA A AVON NÃO MUDOU NADA
  • em 27-06-2012 às 20:30 BC
    Se a Avon boicotar, realmente o livro continuará em circulação, mas pensa...qtos livros a menos continuarão? Diminui expressivamente... Avon entra na casa das pessoas...ameniza muito mais, dá menos ibope pra este velho homofóbico ridículo! Espero que boicote sim!
  • em 25-06-2012 às 07:44 Zora ionara para aff
    Aff, sua E.T. você come merda, ein? a viadada chata aqui esta coberta de razão, morô!
  • em 25-06-2012 às 07:40 Peterson
    DUVIDO SE NÓS GAYS DAMOS MAIS LUCRO QUE OS EVANGELICOS. JAMAIS A AVON ABANDONARIA O SEGMENTO GOSPEL. ALEM DO MAIS, AS MULHERES EVANGELICAS TAMBEM CONSOMEM OS PRODUTOS DA AVON, MUITO MAIS QUE OS GAYS
  • Mostrar mais comentários...