Brincadeirinha!

Renato Aragão diz que antigamente, piadas de gays e negros não eram ofensa.

por Redação MundoMais

Quarta-feira, 07 de Janeiro de 2015

Artista reclama da perseguição ao humor politicamente incorreto (AgNews)Artista reclama da perseguição ao humor politicamente incorreto (AgNews)

Renato Aragão, 79, falou em conversa com a revista “Playboy” sobre a perseguição que o humor sofre nos últimos tempos. O famoso garantiu que na época de “Os Trapalhões” as piadas que eram feitas com gays e negros não passavam de uma brincadeira.

"Naquela época, essas classes dos feios, dos negros e dos homossexuais, elas não se ofendiam. Elas sabiam que não era para atingir, para sacanear”, explicou o intérprete do Didi que fez parte do grupo de humor durante quase 30 anos.

"Era uma brincadeira de circo entre eu e o Mussum. Como se fôssemos duas crianças em casa brincando. A intenção não era ofender ninguém. Hoje, todas as classes sociais ganharam a sua área, a sua praia, e a gente tem que respeitar muito isso”, disse ele.

Renato ainda relembrou das críticas que os filmes de "Os Trapalhões" sempre receberam dos cineastas. "Eu nunca liguei para isso. Tinha gente que criticava meus filmes sem assistir! Mas, quanto mais eles me malhavam, mais dava bilheteria. Os pseudocineastas ficavam umas araras porque os filmes deles não encostavam. Chegava um nordestino com um rolo compressor e passava por cima”, disparou ele.
Comentários (28)

Atenção: Insultos e comentários em desacordo com o tema poderão ser despublicados.

  • em 01-02-2015 às 22:31 angelo
    Não ofendia pq as pessoas não se assumiam e nem se defendiam. Renato Aragão tenho minhas suspeitas. Sempre gostou de passar a mão na bunda dos homens que atuavam com ele. Vi várias cenas assim.
  • em 11-01-2015 às 18:23 Arnold Filho
    Defender a existência de personagens gays caricaturados, como Haroldo Hetero, Capitão Gay e Vera Verão é defender o preconceito contra os homossexuais e contra a homossexualidade. Também não podemos aceitar piadas ou quaisquer outras demonstrações de preconceitos contra negros ou nordestinos. Ou atitudes machistas que coloquem as mulheres em condições de inferioridade. A nossa Constituição diz que todos são iguais, portanto todos são dignos de respeito, independentemente de raça, credo, cor, nacionalidade, origem ou orientação sexual. Só assim teremos um verdadeiro estado democrático de direito.
  • em 10-01-2015 às 09:05 Sem educação
    Felizmente não são todos aqui. Não quero generalizar.
  • em 10-01-2015 às 01:10 jandimilson h de oliveira
    essas piadas sempre ofederam,mas infelizmente tinhamos que engolir goela abaixo,hoje com os grupos organizados,e a consciência dos nossos direitos,ñ mais precisamos,ouvir certas piadinhas e calar,é preciso dizer que ofende e que somos tbm,pessoas,com muito mais , do que inspiração pra umas piadinhas!ok.
  • em 10-01-2015 às 01:07 para sem educacao
    Mas vc sabe o que significa isso ne. Falta de rola e homem comedor no mercado. Essas bichas ficam tudo mal humoradas.
  • em 09-01-2015 às 11:25 Sem educação
    Toda vez que entro aqui tenho de trazer uma jarra de suco de marácujápara perto do computador, para suportar tantos "coices" desses veados grosseiros e mal educados!
  • em 09-01-2015 às 09:34 Sem educação
    Como tem gay mal educado e estúpido neste site! Cada um pior que o outro! Creeeeedo!
  • em 08-01-2015 às 23:11 ...que pena... pensem...
    Tia, de que galaxia a senhora é? Vai pegar o pince nez e ler seu livro de cabeceira que estamos no século XXI. Que porra de capitão gay o caralho... Haroldo a puta que pariu!!!!!!!!!!
  • em 08-01-2015 às 18:49 FRED
    E piada contra nordestinos? Será que ele gosta?
  • em 08-01-2015 às 14:35 Dj
    E fazer piada de religião o que ele tem dizer?
  • Mostrar mais comentários...