Yes Equality

Colin Farrel afirma: Eu apoio o casamento gay com todo meu ser!

por Redação MundoMais

Quarta-feira, 21 de Janeiro de 2015

Colin Farrell, um dos galãs de Hollywood, declarou nesta segunda (19) seu apoio à legalização do casamento gay na Irlanda.

Em um debate televisionado pela emissora nacional RTE, o ator disse que achava “extremamente injusto” seu irmão gay ter precisado se casar com seu parceiro, Steven Mannion, no Canadá.

“Vê-los todos os dias como um casal feliz, vivendo um casamento feliz, é uma coisa incrível. E pensar que eles tiveram que deixar seu próprio país para fazer isso é triste, decepcionante e extremamente injusto”, declarou.

Farrell também falou sobre a questão de casais homossexuais tornarem-se pais. “É muito fácil para os heterossexuais serem pais. Muitos pais pelo mundo nem cuidam de seus filhos, pois eles são resultados de ações de cinco minutos”, continuou.

Colin declarou seu total apoio ao referendo que acontecerá na Irlanda em maio, sobre a legalização do casamento entre pessoas do mesmo sexo. “Eu carrego a Irlanda comigo onde quer que eu vá, eu amo meu país profundamente. Esta é a minha ‘saída do armário’, se é que posso chamar assim, eu publicamente declaro apoio a essa votação com cada fibra do meu ser”, concluiu.

Comentários (14)

Atenção: Insultos e comentários em desacordo com o tema poderão ser despublicados.

  • em 27-01-2015 às 19:25 Arnold Filho
    Assino embaixo dos comentários de Miguel RN. Os gays têm total legitimidade de lutar pelo reconhecimento de seus direitos, entre os quais casar e assumir publicamente a homossexualidade, inclusive com demonstrações públicas de afeto. Tudo o que os heterossexuais podem, os homossexuais também podem. Tanto os homo quanto os heterossexuais não são obrigados a casar, mas devem ter o direito de assim proceder, se quiserem. Concordo que a independência financeira é primordial, porque muitos homossexuais são humilhados e expulsos de casa justamente por quem deveria protegê-los, os pais e irmãos. Mas, uma vez obtida a independência financeira, aqueles que quiserem têm total direito de assumir publicamente sua homossexualidade. E os que não aceitam, os que se mostram homofóbicos, o problema é deles. Se você se sustenta, se não depende da família ou de quem quer que seja, você pode fazer tudo o que quiser, desde que não fira as normas do direito e nem prejudique os outros. Assumir sua homossexualidade e procurar ser feliz é prerrogativa de cada um. E ninguém tem nada a ver com isso. Nem mesmo a família!
  • em 25-01-2015 às 18:28 Marcos
    Sabia o q mona?Pesquisa Colin Farell Xvideos q vc vai ver q o rapaz de gay n tem nada.kkkk
  • em 22-01-2015 às 10:30 Baronesa de Santos
    Bem! eu já sabia da sexualidade de Colin, alias! ele na entrevista no programa da Ellen, estava no close girl dando pinta meeeeesmo!
  • em 22-01-2015 às 00:33 IN Recife - Para Você
    Depêndencia financeira eieiei ! depois destes aplicativo internet no brasil rede social facebook twitter instragam orkut e-mail as bicharadas passivas ativos ! se modernizaram se valorizando as novelas bombando com temas personagens pré pré pré velhos historicas velhos feios temas nas de comum no dia á dia mundo sexual gay homossexaul bissexual lesbica travesti ! Todos imforMalizados em chat em fotos atualizando os GRINGUS INTERNATIONAL MAIS AINDA FORNECEDOS PROCESSO ! MUNDO DE FANTASIA PÓS MODENO NA DE COMUM COM A OUTRA PESSOA QUE NUNCA SEQUER VIU SE SABE SE Gosta se sabem que pode fazer bem o mal mau muito mal aos meros imigranttes girungus original ! Descordo com você terá que ter uma certa idade uma boa pinta para se joga na rua vida avenida é assumir pratica sexual desejo ao proximo do mesmo sexo sem destiçâo medo cor raça .
  • em 21-01-2015 às 23:28 Vassoura
    Se tiver $$$$$$$$ como eu.Tô casannnnnnnndo.Enquanto não encontro minha cara metade.Tô pagannnnnnnnnnnnnnnndo!
  • em 21-01-2015 às 23:22 >>>
    Era tão bom ser gay nos anos 70, 80 e ate 90. Eramos apenas gays: felizes, de bem com a vida, descomplicados. Hoje os gays são paranoicos, militantes, CHATOS, complicados, mau humorados. E ainda querem criar filho, ou pior, FAZER filho... aff!
  • em 21-01-2015 às 23:22 Miguel RN
    Fico louco quando alguém vem aqui deslegitimizar um movimento com o argumento falacioso de que gays estão forçando a barra querendo imitar "rituais héteros falidos". Em primeiro lugar, se você nao quer "imitar" como você diz, não o faça, mas não queira impedir que os outros o façam. Particularmente, não pretendo me casar, mas defendo o direito de quem queira! E o casamento não é um ritual falido. Você pode até considerar a monogamia como hipocrisia, mas isso não desfaz o conjunto de benefícios que esse "contrato" carrega para o núcleo familiar e consequentemente para a sociedade.
  • em 21-01-2015 às 23:11 Miguel RN
    Ao rapaz que respondeu a Carlos: pensando em bens materiais e herança? Por conta de alguns que são desse jeito todos devem pagar? Os direitos são vários e incluem muito mais do que bens materiais: planos de saúde, procurações, ADOÇÕES, entre outras coisas voltadas a casais. Morar junto com outra pessoa e não ter os direitos básicos que permitem que a vida do casal flua sem ter que recorrer na justiça pra qualquer bobagem que seja, especialmente quando se trata de cuidar de um filho?! É absurdo! Merecemos os mesmos direitos e devemos lutar por eles. E outra coisa, mesmo se o argumento fosse apenas o financeiro, rapaz, continuaria válida a luta para que tenhamos esse direito reconhecido!
  • em 21-01-2015 às 19:29 para Carlos
    Isso, vamos fazer como os falidos casamentos heteros: casar pra ter direitos, pensando em bens materiais, herança... aff.
  • em 21-01-2015 às 19:19 In Recife
    É Leco, mas para as pessoas saírem do armário, elas primeiro tem que alcançar a independência financeira, e muitos gays ainda não alcançaram isso. Só existe liberdade e vida própria quando existe indepêndência financeira. Sobre o ator, muito bem pelo apoio a nós gays. Só precisa melhorar o visual, pois ele tá bem feinho nessa foto kkkk, e no normal Collin Farrel me parece um rapaz bonito.
  • Mostrar mais comentários...