Senta que lá vem...

Confira os 7 filmes gays do Sundance Film Festival que você vai querer assistir!

por Redação MundoMais

Sexta-feira, 27 de Janeiro de 2017

Tem documentários, filmes e curtas no atual Sundance Film Festival, que acontece anualmente em Park City, Utah, nos Estados Unidos. Esta edição, que começou na último dia 19 de janeiro e termina no próximo domingo (29/1), está mais colorida que nunca! Desça a barra de rolagem e veja sete filmes que você vai querer assistir – se já não quer:

This is Everything: Gigi Gorgeous

Dirigido pela vencedora de dois óscares, Barbara Kopple, o documentário mostra a trajetória da youtuber Gigi Gorgeous que compartilhou toda a sua transição para se tornar transexual.

The Chances

A série online de cinco episódios gira em torno de dois melhores amigos surdos, Kate e Michael, e como o relacionamento deles fica quando ele termina com o namorado e ela, casa-se com o dela.

Call Me By Your Name

O filme mezzo italiano moitié francês foi dirigido por Luca Guadagnino e circunda a vida de Elio, um jovem sem irmãos que vai passar as férias no subúrbio italiano. A trama ganha cor quando um pesquisador envolvido com a família começa um relacionamento com o garoto.

Beach Rats

Frankie faz parte de um grupo de delinquentes nova-iorquinos, em Coney Island. Cheio de incertezas, ele começa a namorar uma garota ao mesmo tempo que conhece um homem na praia.

Bayard & Me

Um ativista dos direitos civis ganha menor atenção de todos por conta de sua sexualidade, quando o casamento gay era algo impensável. A história foca, também, no relacionamento dele, Bayard Rustin, com Walter Naegle, que é 30 anos mais jovem.

The Wound

Este é para quem tem coração forte. The Wound mostra um adolescente gay sul-africano que passa pelo ritual de circuncisão característico de sua região. Durante a recuperação, aproxima-se do cuidador Xolani, que – olha só! – também é gay. Quando o resto do vilarejo descobre o segredo de Xolani, sua vida começa a correr perigo.

Out of Exile: Daniel’s Story

A animação mostra a história (real) de Daniel Ashley Pierce, que foi violentado por sua família e expulso de casa por se assumir gay.

Comentários (4)

Atenção: Insultos e comentários em desacordo com o tema poderão ser despublicados.

  • em 01-02-2017 às 11:12 Rena
    Valeu "Alguém Verdadeiro" disse udo e mais do que eu gostaria de dizer.]
  • em 31-01-2017 às 10:01 Pergunta smples e direta para George Passos:
    O que danado tu anda fazendo no site Mundo Mais??? Até porque aqui, só tem conteúdo de interesse GAY. De boa, para de falso moralismo rapaz, como diz o colega abaixo, tente se AMAR, e você será verdadeiramente feliz. Não vou nem meter Deus no meio das minhas palavras, apenas porque ele é PAI, e ama cada um do jeito que é.
  • em 30-01-2017 às 19:58 Alguém Verdadeiro p/George Passos
    Cara, sinto muito por você. Você se odeia. Eu vi seus outros comentários aqui neste site e isso mostra claramente alguém que está lutando contra suas tendências homossexuais e tentando fazer-se sentir melhor e "salvar" os outros. Posso até apostar que você é um ex-ator gay pornô que se tornou um pastor. Ri muito. Seu problema tem uma solução: ame a si mesmo. Você não está realmente feliz, porque você não está realmente livre. Não há nenhuma quantidade de comentários negativos que vai parar os gays ou parar as atividades gay. Nunca. Procure ajuda psicológica e salve-se da dor da repressão. Porque mais cedo ou mais tarde você vai descobrir que é inútil lutar contra isso.
  • em 30-01-2017 às 10:25 George Passos
    Sodoma e gomorra,a entrada para o inferno;meu DEUS socorro!!!!