Precisava ser feliz!

Ricky Martin revela que ninguém o apoiou quando decidiu se assumir gay.

por Redação MundoMais

Segunda-feira, 22 de Janeiro de 2018

Ricky Martin falou, em entrevista ao programa de TV "The Daily Show with Trevor Noah", que se assumir homossexual em 2010 foi uma experiência muito dolorosa e difícil.

Eu estava cercado por um monte de amigos que estavam falando: 'Não, não se assuma, será o fim da sua carreira'. Pessoas que me amavam, que me queriam bem, pessoas que eram vítimas de homofobia, falou o cantor.

Some isso ao fato de que eu era um 'sex symbol', então todo mundo estava falando: 'Vai ser o fim de sua carreira'. Foi extremamente doloroso para mim até que eu disse: 'Eu não consigo aguentar mais. É tudo sobre mim agora, não sobre o que está acontecendo ao meu redor. É sobre o que eu preciso para ser feliz, disse.

O artista diz que o que realmente fez com que ele se assumisse foram seus filhos gêmeos, Matteo e Valentino, que têm nove anos hoje. Eu tinha meus filhos e eu disse: 'Eu preciso me assumir. Eu não posso mentir para essas lindas crianças.

Comentários (4)

Atenção: Insultos e comentários em desacordo com o tema poderão ser despublicados.

  • em 23-01-2018 às 21:19 Marcos
    Nada melhor do que está em Paz Consigo Mesmo ....
  • em 23-01-2018 às 11:47 Tito
    Concordo com os dois comentários abaixo. Se fingir de Hétero e enganar a mulher, creio que seja o pior....
  • em 23-01-2018 às 07:42 Márcio
    Acho esse cara muito legal , independente de sua preferencia sexual !!! É isso !!!
  • em 22-01-2018 às 18:53 Diego SP
    Boa! Infelizmente nem todos podem fazer isso! Acho que cada um acha o seu momento certo....Ou não não acha! As pessoas vão se tocando naturalmente. O que não é bacana é a pessoa se fingir de hetero e enganar uma raxa. Mas, cada um é cada um