Inclusivo

YouTuber cria canal LGBT em Libras.

por Redação MundoMais

Terça-feira, 30 de Janeiro de 2018

Há algumas semanas, a atriz Leandra Leal compartilhou um canal do YouTube voltado para pessoas falantes de Libras. Dentre os vários assuntos que o apresentador abordava, estava a questão LGBT tratada sob a ótica de alguém surdo. O nome do YouTuber: Léo Viturinno.

Léo criou em 2011 um Tumblr que fez bastante sucesso, principalmente porque ele era muito bom em criar gifs. Viturinno já acompanhava alguns youtubers ouvintes e as pessoas lhe cobravam a criação de um canal próprio. Em seus vídeos, ele trata de tudo – séries, dia a dia da surdez, fatos curiosos – sempre em Libras e com legenda em português.

Esses vídeos possuem uma série de informações interessantes. Por exemplo, surdo geme? Frequentemente pessoas surdas escrevem com dificuldade, pois, sua primeira língua é Libras, e português, a segunda. Então eles fazem uso dele como um estrangeiro. Por isso, Léo conta com a ajuda de uma amiga na revisão das legendas do canal.

Exclusão

Seus vídeos são muito bem editados e filmados. É interessante ver como, apesar da limitação, ele consegue transpor barreiras e adquirir o mesmo vocabulário LGBT dos ouvintes. Ainda mais se você considerar que vídeos e músicas brasileiras (fonte de boa parte do nosso linguajar) não têm legenda para surdos.

Viturinno diz que, nos canais em Libras, raramente fazem os sinais de LGBTs ou trazem informações básicas sobre o assunto. Afinal, ele não é o único gay surdo no mundo, né? Léo é um dos administradores da comunidade SLibras LGBT no Facebook. E, se as questões de gênero e sexualidade não são consideradas discussões de primeira ordem, mais raro é alguém ter interesse em encontrar uma forma de falar com eles sobre isso.

Comentários (0)

Atenção: Insultos e comentários em desacordo com o tema poderão ser despublicados.