Fora do padrão

Kate Hudson conta que está criando filha sem definição de gênero.

por Redação MundoMais

Quinta-feira, 24 de Janeiro de 2019

A atriz Kate Hudson deu à luz Rani há três meses, adicionando uma filha aos dois garotos que já compunham sua família - Bingham (7 anos) e Ryder (15). A diferença, desta vez, é que ela afirma que tem tentado uma criação sem adotar padrões de gênero para a menina.

Em entrevista, ela falou sobre a primeira filha. "Não mudou muito o modo como lido, mas realmente há uma diferença. Mas acho que devemos criar nossas crianças individualmente, independentemente do gênero. Até porque não sabemos como ela vai se identificar depois", afirmou a atriz de 39 anos.

"Agora, eu a vejo incrivelmente feminina com sua energia, seus sons e seu jeito. É bem diferente do que foram os meninos, e acho divertido desta vez realmente comprar roupas de criança", completou Hudson.

Com os meninos, eram só macacões. Mas eu fiz um ótimo trabalho com eles", riu a atriz. "Mas com ela é outra coisa. Tem coisas que nem posso comprar, porque seria um exagero.

Kate Hudson conta que foi criada só com meninos, os irmãos, e que se vestia e brincava como eles. "Você fica casca grossa. Geralmente me perguntam se eles me protegiam, mas eles me jogavam no fogo", contou ela que, por outro lado, maquiava e vestia um dos irmãos.

Comentários (2)

Atenção: Insultos e comentários em desacordo com o tema poderão ser despublicados.

  • em 25-01-2019 às 04:10 manolo
    oh discussão besta, o povo já ta ficando paranóico com essa besteira de gênero não gênero. Afffff
  • em 25-01-2019 às 01:37 Jorge Jorge
    Mundo Mais, coloca aqui uma matéria acerca da renúncia de mandato de Wyllys. Vamos testar aqui se a popularidade anda em alta entre os gays.