No Ceará, prefeito demite secretário por espetáculo com cenas gays

Acilon Gonçalves (PR) justificou dizendo que a apresentação tinha deturpações graves que feriram a ética, os princípios religiosos e a moral.

por Redação MundoMais

Quarta-feira, 22 de Janeiro de 2020

O prefeito da cidade de Eusébio, no Ceará, anunciou nesta terça-feira (21) que exonerou o seu Secretário de Cultura, Léo Abreu, pela realização, na sexta-feira (17), de uma apresentação circense com cenas sensuais entre casais homossexuais. A apresentação integrou a 20ª Convenção Brasileira de Malabarismo e Circo, realizada pela primeira vez na cidade.

Em vídeo postado nas redes sociais, o prefeito Acilon Gonçalves (PR-CE) justificou sua decisão dizendo que a apresentação tinha deturpações graves que feriram a ética, os princípios religiosos e a moral. “Não podemos jamais compactuar com coisas desse tipo. É incabível que uma gestão que cuida desse setor permita que essas coisas aconteçam.”

O prefeito afirmou também que vai assumir o controle da Secretaria da Cultura para investigar por que foi realizado o espetáculo e também para proibir que esse tipo de evento volte a acontecer na cidade. “Continuarei firma na defesa da família, da ética, da moral e dos princípios religiosos”, concluiu Gonçalves.

O elenco do Erotic Circus Show publicou uma nota repudiando a atitude do prefeito cearense e explicando que o show estava programado para às 23h59 do dia 17, mas foi iniciado por volta de 1h da manhã. O grupo ainda lembrou que a apresentação teve classificação indicativa recomendada para maiores de 18 anos.

“A extensa programação contemplou o público infantil, jovem e adulto, seguindo as leis referentes aos horários e classificações, também oferecendo, exclusivamente, as noites temáticas: Noite Preta, Noite Feminina e Noite LGBTQI+”, disse a nota. “Nosso coletivo é contra qualquer forma de censura, LGBTfobia, racismo e qualquer outro tipo de preconceito, e declara também total apoio à diversidade e à produção do evento.”

O Fórum Nordestino de Circo, responsável pelo evento, também expressou sua “indignação” com a decisão do prefeito. Em nota publicada no Facebook, o grupo afirmou que “todo o processo de programação e curadoria se deu de modo a respeitar os trâmites legais, o diálogo com a cidade e o respeito à diversidade”.

“Seguiremos fortes, levando alegria e provocando pensamento através da arte! Viva o circo brasileiro!”, completou a nota, incluindo uma hashtag “contra a censura em Eusébio”.

Abaixo, um vídeo com cenas de uma apresentação do grupo Erotic Circus Show, que provocou a demissão do secretário da Cultura de Eusébio-CE:

A 20ª Convenção Brasileira de Malabarismo e Circo, que começou no último dia 12, terminou no sábado 18. Foi a primeira vez que este evento nacional aconteceu em um município do Nordeste, contando com o apoio da Prefeitura do Eusébio. O evento era pago, mas contava com algumas atrações gratuitas.

A Prefeitura de Eusébio não atendeu aos chamados da reportagem. O agora ex-secretário Léo Abreu também não foi encontrado para comentar o caso.

Comentários (5)

Atenção: Insultos e comentários em desacordo com o tema poderão ser despublicados.

  • em 28-01-2020 às 02:01 Loiro
    O problema todo foi esse? Uma peça com personagens gays femininos dançando e tocando no corpo do um do outro? Não teve nada pornográfico tampouco imoral. Até quando essa sociedade retrógrada vai continuar fazendo da homossexualidade um bicho de 7 cabeças? Esse prefeito tem que ser processado por homofobia.
  • em 23-01-2020 às 22:33 Marcus
    Prefeito ignorante, Se o senhor não sabe a família tradicional brasileira assiste xvideo.
  • em 22-01-2020 às 22:54 Prefeito Ladrão !
    Tem que atacar a página do prefeito e da prefeitura no instagram e no facebook. Quando vem com essas cnalhices de moral , família e bons costumes pode ter certeza que tem lavagem de dinheiro dentro de igrejas evangélicas junto. Tem que investigar e partir pra cima.
  • em 22-01-2020 às 13:10 Helenao
    Tradução:vou ser mais um hipocrita,retrogrado invisibizando os gays...sinto do desta gente pq por mais q tentem nao conseguirao...existe muita gente tosca mas na juventude q sera o futuro sao poucos...
  • em 22-01-2020 às 12:09 Susy
    Xiiiiiiii, outra treta!!! kkkkkkkkkkk.