Tim promove show LGBT gratuito com Gloria Groove e Johnny Hooker em Ipanema

Projeto Verão TIM será no dia 1º de fevereiro com cenografia toda nas cores do arco-íris.

por Redação MundoMais

Quinta-feira, 30 de Janeiro de 2020

Com a chegada do verão, as praias do Rio se consagram como a grande área de convivência da cidade, local democrático que conecta todas as classes, estilos e gêneros. Para celebrar a estação que melhor traduz o espírito carioca, o Verão TIM – patrocinado pela operadora TIM e realizado pela agência Novo Traço – ocupa a areia de Ipanema (altura do Posto 10, em frente à rua Paul Redfern) com uma série de nove shows gratuitos, seguidos de festas que prometem agregar os mais diversos ritmos e artistas, sob a curadoria de Zé Ricardo.

No dia 1º de fevereiro, o Verão TIM celebrará o público LGBTQI+, com muita diversidade e inclusão. Durante todo este dia, a cenografia do projeto estará nas cores do arco-íris, incluindo as camisetas de toda a equipe de trabalho, a parte interna e externa do palco. Johnny Hooker, que tem um histórico de militância, e Gloria Groove, drag que vem colecionando hits e milhões de fãs nas redes sociais e plataformas de streaming, prepararam um show especialmente para o evento.

“Vai ser um presente para os cariocas, os brasileiros de outros estados e também estrangeiros. O Verão TIM é cultura e entretenimento no mais alto nível entregue gratuitamente para reforçar o espírito do Rio de Janeiro de acolher, incluir e de ser diverso. Nas praias do Rio, o mundo se encontra ao som dos nossos shows e festas, graças ao patrocínio da TIM, empresa que acredita na cultura e tem a inovação no DNA. O Governo do Estado do Rio tem papel fundamental no Verão TIM, pois investe no projeto através da Lei de Incentivo à Cultura e contribui com a garantia da segurança através da PMERJ e do Corpo de Bombeiros. Temos também como parceira a Prefeitura do Rio, através da Superintendência da Zona Sul (Superintendente Marcelo Maywald) e Secretaria Municipal de Envelhecimento Saudável, Qualidade de Vida e Eventos (Secretário Felipe Michael), o que nos permite a realização desse evento de grande porte na orla da cidade”, diz Rafaello Ramundo, CEO da Novo Traço.

Serviço:

Sábado, 01/02, às 17h
Gloria Groove e Johnny Hooker / Festa da Raça
Praia de Ipanema

Comentários (8)

Atenção: Insultos e comentários em desacordo com o tema poderão ser despublicados.

  • em 01-02-2020 às 11:43 Sylvia Design
    Gloria Groove e Johnny Hooker.Vis.
  • em 31-01-2020 às 02:35 Beto
    E nem
  • em 31-01-2020 às 02:35 Beto
    Concordo com Edivaldo . Respeito quem gosta desses artistas , mas nem todo gay necessariamente os ama é muito
  • em 30-01-2020 às 22:10 Edivaldo
    Durante o advento das revistas gays - 1997 a 2013 - operadoras de celular nunca anunciaram nas revistas lgbt, fazendo com que elas não conseguissem se sustentar e indo à falência. Agora, posam de tolerantes, fazendo shows que desagradam a imensa maioria das pessoas do universo lgbt. Quando mais precisávamos de apoio, pois as revistas gays funcionavam com interlocutoras dos gays de lugares distantes, operadoras de celular e outras grandes empresas deram as costas.
  • em 30-01-2020 às 22:00 Edivaldo
    É tanta alienação. Como os gays se contentam com tão pouco! Com migalhas! Vamos exigir, também, outros tipos de eventos, pois muitos gays não se interessam em nem vivem no porpurinismo!
  • em 30-01-2020 às 20:54 Sylvia Design
    O comentário anterior é interessante.
  • em 30-01-2020 às 18:31 Cinderella-1950
    Esse rapaz do lado da Gloria Groove é um bosta/esterco de marca maior! A Gloria Groove é linda, um luxo só! Agora sobre a tão dita inclusão lgbt num sei mais o Q, é pura hipocrisia/ilusão/mentira, visto que no próprio meio gay, rola um preconceito surreal/deprimente! E sobre Jesus, ele não é gay, hetéro, extraterrestre, ou uma reles lenda. Ele é real, santo, não podemos comparar Deus pai todo poderoso, com o ser humano, que não passa de um bolo de barro, pecador, que se acha muita coisa, mais quando menos se espera, está dentro de um caixão, debaixo da terra fedendo a carniça, fato! Devemos ter temor a Deus, suas doida, ele ama, mais tb se ira! Vai nessa de zombar de Deus, o fim será muito triste e sem volta! Em fim, sou gay, e não concordo com muitas coisas no meio lgbt, tais como, o preconceito dentro do próprio meio, que vive pedindo o fim do preconceito, mais na primeira oportunidade, humilha outro gay de graça, por n questões. E a outra é, ofender/zombar/blasfemar contra Deus, tenho nojo/ranço, de gente que pratica tais atos! Boa noite!
  • em 30-01-2020 às 15:44 Sylvia Design
    Musicalmente falando, o rapaz esse é pobrinho, pobrinho. O Hooker. No que ele se sai bem mesmo é em ofender a religião dos outros, mas, para os mais antenados, nem isso consegue. Cristo riria das ofensas que tenta lhe dirigir e, em tendo sido em tudo carne, também está no coração de trans e gays. Sim, Jesus Cristo, tamanha sua figura, é também gay e trans. Hooker tem razão. Teologicamente falando, está coberto de razão.