Hackers invadem seminário LGBTI+ sobre eleições e divulgam imagens nazistas

Foram veiculadas imagens de suástica, saudações nazistas, pornografias e bandeira do arco-íris sendo queimada.

por Redação MundoMais

Sexta-feira, 16 de Outubro de 2020

O seminário “Diálogos para enfrentar as desinformações, notícias falsas e discurso de ódio nas eleições municipais”, evento com transmissão ao vivo e que faz parte do programa "Voto Com Orgulho", da Aliança Nacional LGBTI+, foi invadido por hackers com imagens e mensagens nazistas, discriminatórias e pornográficas.

O ataque aconteceu nesta quinta-feira (15) após a abertura da segunda mesa de debates. Os hackers divulgaram imagens de uma suástica e saudação nazista, além de um vídeo em que a bandeira LGBTI+ era queimada. O grupo também divulgou imagens pornográficas e uma mensagem creditada a Adolf Hitler.

De acordo com a Aliança LGBTI+, uma comissão de advogadas e advogados foi constituída para oferecer suporte à entidade.

A Aliança Nacional LGBTI+ fará nesta sexta (16) registro de ocorrência na Polícia Federal e enviará um comunicado ao Ministério Público Federal Eleitoral. A entidade afirma ainda que os participantes do debate farão registro de ocorrência nas Delegacias de Crime da Internet da Polícia Civil nos Estados.

Para Toni Reis, presidente da Aliança Nacional LGBTI+, divulgar símbolos nazistas é crime. "Com a decisão do Supremo Tribunal Federal, que considerou a LGBTIFOBIA como crime de racismo, não podemos aceitar esse ataque racista e discriminatório. A liberdade de expressão precisa ser garantida e o sistema de segurança e justiça precisam atuar no caso. O ataque que sofremos é uma grave violação da agenda democrática no Brasil”.

Cláudio Nascimento, diretor de Políticas Públicas da entidade e coordenador do seminário, afirmou estar chocado com o ataque. "Estão fazendo isso nas lives de feministas, dos povos pretos e contra nós LGBTI+. Os órgãos da polícia e de Justiça precisam agir para coibir crimes de ódio e ataques às liberdades democráticas e aos direitos humanos. O movimento LGBTI no Brasil há mais de quatro décadas vem sofrendo diversos ataques, mas esta perseguição não vai nos esmorecer, pelo contrário, seguiremos na luta pela cidadania LGBTI+ e contra o nazismo”, disse.

Após o ataque, o encontro será realizado no dia 22 de outubro, às 18h. A Aliança afirma que terá "mais rigor" na segurança digital e que o evento será exibido pela sua conta no Facebook.

Comentários (34)

Atenção: Insultos e comentários em desacordo com o tema poderão ser despublicados.

  • em 19-10-2020 às 22:46 marcos40
    Felipe - patrulha ideológica. Todos já deram conta de anotar isto?
  • em 19-10-2020 às 20:21 Felipe
    Nada como um dia depois do outro. Em relação ao caso Robinho, do Santos, um certo cidadão tuitou: "Tem Casa Grande que vale a pena". Bolsonaro? Não. Haddad. A piadinha racista foi obra do Haddad. Sim, aquele que concorreu à presidência da República pelo PT. E aí, rapaziada?... A agora?...
  • em 19-10-2020 às 00:45 Felipe
    Quando o sujeito não lê e não pensa e, se pensa e lê, lê e pensa de forma equivocada, ele chega a algumas conclusões bem rudimentares. Nesse caso, todo cara de direita e que votou em Bolsonaro é parte de um exército de evangélicos, que ignoram a realidade do mundo. Felizmente, cara, a coisa é deveras mais, mas muito mais, complexa do que isso. A esquerda acostumou-se mal. Perdeu, uma a uma, todas as referências que tinha. Ficou nua. E, nua, anda pela rua sem dono, sem futuro. Seu último refúgio seriam as pautas identitárias, mas, mesmo aí, está sendo desmascarada. Sim, a esquerda se transformou naquele rico quebrado, que vive de passado. É triste. Por isso, dá pena.
  • em 18-10-2020 às 20:35 ParaFelipeLunático
    Você realmente não conhece nada de política, só não ocorreu algo grave ainda graças a oposição que ainda é maioria e que você quer dar fim. Insisto: Nós é que temos pena de você.
  • em 18-10-2020 às 16:21 Felipe
    Já era tempo de ter causado esses sérios prejuízos. Afinal, são praticamente dois anos de governo. O que houve, querida, foi a diminuição geral dos índices de violência, o que naturalmente beneficia os gays. Insisto: a esquerda sonhava - sonhava - com um governo maldoso, a quem pudesse atribuir todas as pechas possíveis. Não veio. Não existe esse governo. Coitada da esquerda...
  • em 18-10-2020 às 14:22 ParaFelipeRetardado
    Ai ai, vc critica tanto o povo da esquerda por dizer q alguns membros dela admiram figuras controversas, sendo q vc está apoiando um que disse q ama a ditadura que houve no Brasil. Tsc tsc. Bicha burra apoiando a pessoa que vai levá-la a morte. Tsc tsc. E nem apoio Pt, etc. Prefiro alguém novo. Mas está mais do q claro q Bozo tem sérios problemas mentais e vai causar grandes prejuízos aos lgbts e vc continua a poiar kkkk.
  • em 18-10-2020 às 13:51 jack
    morro de rir com as "fontes" de vocês. Hello? YouTube? Fontes confiáveis, please... qualquer débil mental pode publicar algo no YouTube. Próximo link que vão postar aqui deve ser do lixo do Facebook... afffff
  • em 18-10-2020 às 13:28 Felipe
    O esquerdista vive num campo de vitimização, cara. É disso que se trata. Tenha a humildade de ver isto daqui: https://www.youtube.com/watch?v=5k70tcQyUK0
  • em 18-10-2020 às 11:55 Felipe
    Ditaduras admiradas por um Boulos da vida matam as pessoas. Maduro literalmente provoca a morte das pessoas, por inanição, desespero, falta de perspectiva. Esse, sim, é um exemplo de regime que mata. Damares tem feito excelente trabalho na sua pasta, por exemplo. Agora, se você não se conforma com o resultado das urnas, é simples. Saia às ruas em defesa de Boulos, de Tato e os demais. O PT, a esquerda de um modo geral, está na iminência de amargar uma derrota fragorosa nas eleições do mês que vem. E é óbvio que isso não ocorreria se Bolsonaro estivesse produzindo políticas de perseguição a quem quer que seja. Ninguém tolera ditador. De novo, cara: essa perseguição aos gays, com a qual vocês tanto sonham, não acontecerá. Por isso, repito: coitada da esquerda...
  • em 18-10-2020 às 11:51 Felipe
    Cara, é estéril esse seu argumento, porque ilusório. Ou você apresenta aqui um fato concreto, como infelizmente acontece em muitos países que a esquerda tanto admira, ou você não tem fatos, meu irmão. É simples assim.
  • Mostrar mais comentários...