Surfista trans faz história ao ganhar torneio na Austrália

Sasha Jane Lowerson é primeira a competir em campeonatos profissionais.

por Redação MundoMais

Segunda-feira, 23 de Maio de 2022

A surfista australiana Sasha Jane Lowerson se tornou a primeira mulher trans a participar de uma competição profissional, com direito a subir ao pódio como campeã do West Coast Suspensions Longboard and Logger State Championships no último final de semana.

Aos 43 anos, Sacha já havia vencido a premiação três vezes nas categorias masculinas e dessa vez, após a transição, venceu as divisões Open Feminino e Open Logger, em Avalon, Austrália.

Em entrevista ao jornal "Tha Australian", declarou: "Ser a primeira mulher transgênero competindo no surfe não foi fácil emocionalmente, mas a quantidade de apoio que me foi dada foi fenomenal. Estou muito grata por estar envolvida, bem-vinda e abraçada pela comunidade de longboard Australiana".

Sasha surfa desde os 10 anos e relatou em um podcast que desde então já não se identificava com o gênero que lhe foi atribuído. Dos 19 aos 29 anos, quando iniciou efetivamente o processo de transição, passou por muitas dificuldades no campo da saúde mental, como depressão e tentativas de suicídio, infelizmente uma realidade na vida das pessoas trans que não conseguem viver de acordo com suas identidade.

Comentários (2)
  • em 25-05-2022 às 20:42 Sincero
    Isso se chama trapaça. Fisiologicamente um homem sempre vai terais vantagem sobre a mulher e uma mulher trans, mesmo tomando hormônios femininos, terá mais testosterona que a mulher cis. E essa
  • em 23-05-2022 às 19:52 Celsa Piruzóli
    Sem preconceito, até por que, tb sou gay.........Da pra ver que é um homi. Estou sendo realista, quem falar que estou cego, é um baita de um hipocrita! Cada um vive como quer, e devemos respeitar, mas..............Devemos sempre ser sinceros! Boa noite.