quero assinar Entrar na área VIP

Ela nos deixou

Rogéria se despede da vida, aos 74 anos, no Rio de Janeiro.

por Redação MundoMais

Terça-feira, 05 de Setembro de 2017

Uma notícia muito triste acaba de chegar até os fãs de Rogéria, também conhecida como Astolfo Barroso Pinto. A atriz e cantora foi a óbito, aos 74 anos de idade.

Ela foi internada às pressas na noite desta segunda-feira (4), teve complicações e acabou falecendo. A loira foi internada pela primeira vez por causa de uma infecção urinária em julho. Semanas depois, tratou de uma infecção nos rins e também precisou ser internada

Rogéria havia voltado agora a noite para a UTI, pois o seu estado de saúde havia piorado nas últimas horas. O empresário e amigo dela, Alexandre Haddad está acompanhando tudo de perto. A informação da morte da atriz também foi confirmada em primeira mão pela jornalista Sonia Abrão por meio do Instagram dela que contou detalhes: “Rogéria se foi gente! Ela sofreu com a volta da infecção, o coração e pulmões complicaram, voltou para a UTI, foi entubada, mas não aguentou”, adiantou.

“Seu empresário Alexandro Haddad está desesperado. Núbia, maquiadora de Rogéria, é um grupo de amigos seguem para o Rio à meia-noite!”, disse ainda a jornalista e apresentadora do “A Tarde é Sua” na RedeTV!. “Caberá à Núbia a missão de maquiar Rogéria para o sepultamento, atendendo a um dos últimos pedidos dela!!! A consternação é geral”.

“Os amigos de Rogéria tbm vão avisar Nany People, uma de suas maiores amigas e que a visitou no hospital há pouco tempo! Tinham planos de fazer um show juntas!”, revelou a apresentadora.

Rogéria se internou no Hospital Unimed Barra, na Zona Oeste do Rio, com um caso de infecção urinária, mas teve uma complicação após uma crise convulsiva. O Hospital Unimed-Rio informou que a causa da morte de Rogéria foi um choque séptico. De acordo com a unidade hospitalar, ela estava internada na unidade desde 8 de agosto devido a um quadro de infecção urinária.

No último dia 25 de agosto, a atriz chegou a receber alta da Unidade de Tratamento Intensivo do hospital e foi levada para o quarto. Em julho, a atriz tinha sido internada por duas semanas em uma clínica em Laranjeiras, na Zona Sul do Rio. Ela deu entrada na unidade no dia 13 por conta de uma infecção generalizada. O seu quadro havia piorado depois de uma crise convulsiva.

CARREIRA

Rogéria começou sua carreira como maquiadora da TV Rio, e ao conviver com inúmeros atores célebres teve o que descreveu como equivalente de uma estadia no Actors Studio, sendo estimulada a interpretar. Sua estreia ocorreu em 29 de maio de 1964, em um notório reduto gay de Copacabana, a Galeria Alaska. Figura frequente no cinema brasileiro, participou também como jurada em vários programas de auditório nas últimas décadas, de Chacrinha a Gilberto Barros e também Luciano Huck.

Rogéria foi coreógrafa da comissão de frente da Escola de Samba São Clemente, representando Maria, a louca, num enredo que tratava dos 200 anos da vinda da família real ao Brasil. Em sua passagem, foi recebida com carinho pelo público. Em 2016, lançou sua biografia Rogéria – Uma mulher e mais um pouco, de Marcio Paschoal.

Comentários (15)

Atenção: Insultos e comentários em desacordo com o tema poderão ser despublicados.

  • em 12-09-2017 às 02:02 Marcelita Roitman
    Rogéria, nossa diva! Rogéria que trouxe ao Brasil a realidade de que travestis podem existir ! Descanse nossa querida brasileiríssima!
  • em 10-09-2017 às 16:58 Medina.
    Mais um, que partiu para a eternidade sem JESUS, infelizmente! Ei, você que está vivo, se arrependa dos seus maus caminhos, antes que seja tarde demais! JESUS te ama, toda via, e é justiça também! Acordem, o inferno é real, mais real, do que este mundo terreno cheio de ilusão! E lembre se; JESUS é vida eterna/salvação, e não, uma simples religião! Acordem, a vida passa rápido demais, no inferno não há....festas/bebidas/fama/dinheiro/luxo/baladas/homens bonitos e etc...., lá só há..................choro/ranger de dentes/onde o bicho não morre/o fogo nuca se apaga, e o tormento será eterno, infelizmente! o diabo é um mentiroso, engana o ser humano, e quando o mesmo morre e vai ao inferno, ele as gargalhadas, lançara no seu rosto, o motivo, pelo qual você está ali! Essa é uma realidade muito triste e tenebrosa, por isso, JESUS morreu por todos nós, para nos dar a salvação, pagou com seu santo sangue, morreu sem merecer! Em fim meu povo, a realidade é essa, céu e inferno depois da morte, e qual você escolhe? Lembre se, depois da morte, não há segunda chance, JESUS está de braços abertos, para lhe conceder o perdão/vida eterna, basta você querer! Não adianta apenas ser bom/caridoso,devemos obedecer a santa palavra de DEUS, devemos viver em santidade em toda maneira de viver! Ser cristão não é fácil, mas JESUS, nos ajuda/nos da força, para prosseguir na nossa jornada rumo ao céu! Infelizmente, para o Astolfo, não tem mais solução, mas para você, que está vivo, ainda existe esperança! Um forte abraço/paz de JESUS!.................((*Não deixe satanás enganar você, JESUS te ama, e está voltando, e com certeza, o seu lugar é no céu, e não no inferno*!))
  • em 10-09-2017 às 13:47 Edu
    Que descanse em paz. Em seu fim de vida, Rogéria padeceu fisicamente. Agora, lamentar, não lamento porque, para mim, ela morreu no dia em que disse em um programa de tv apresentado por Luciana Gimenez que era "a travesti da família brasileira". Sim, ela era um ícone da cultura LGBT e uma inspiração para o universo trans, mas destilava muita homofobia nos comentários sobre gays afeminados. Vê-la falando sobre "bichinhas" era algo que me causava asco. Tinha talento, bom gosto, era muito culta, muito vivida, mas classe, me perdoem, não tinha. Classe ela ACHAVA que tinha, talvez por se inspirar em grandes divas hollywoodianas dos anos dourados. Estéticamente, era um exemplo. Como figura pública, deveria ter falado menos. Que Deus a tenha no Reino da Glória. (E podem descer o pau à vontade no meu comentário.)
  • em 09-09-2017 às 10:49 Sotero ao Norte
    Vai fazer muita falta.
  • em 08-09-2017 às 14:32 Maurício Morumbi
    Tinha classe, educação e cultura que poucos no meio gay tem. Respeitava todo mundo. Sabia se colocar no lugar dela, respeitando a todos sem defender coisas bizarras. Admirada por senhoras, héteros e gays. Clodovil e Rogéria foram referência para os gays decentes.
  • em 07-09-2017 às 23:09 Cláudio
    Linda, culta, articulada, inteligente e irreverente....Rogéria, sempre Rogéria...que Deus a receba com muita luz...um beijo minha querida.
  • em 07-09-2017 às 13:47 Pedro
    A Vida de uma mneira geral foi boa para a Rogeria; ela foi uma guerreira sim, claro q sofreu preconceitos mas tirou de letra com toda a sua garra e talento.Assim como Clodovil ela era querida e amada pela familia brasileira. Provou a todos q nao era apenas um travesti, mas sim um artista de nivel internacional, tanto q falava fluentemente o ingles e o frances. Artista versatil em todos os sentidos, dançava, cantava, maquiadora etc etc. e conquistou o respeito de todos.E alem de tdo isso ela soube administrar muito bem a grana q faturou durante sua carreira, nao ficou milionaria, mas teve responsabilidade com os gastos, comprou imovel, guardou dinheiro e levava uma vida confortavel, sem luxuria, mas com dignidade e conforto. Nota mil para esse Ser Humano iluminado q serve de exemplo para todos nós !!
  • em 06-09-2017 às 14:22 Bonita da Vieira Souto.
    Perda irreparável!
  • em 06-09-2017 às 01:04 Rodriguez - São Paulo.
    Partiu uma estrela!!! Amada Rogéria, obrigado por toda a sua contribuição no sentido de ter rompido barreiras e deixado o nosso país um pouco mais preparado para lidar com uma série de questões. Coincidentemente, gosto muito da música que sei que tu sempre curtiu: La Vie En Rose, mas é óbvio, você é uma pessoa de muito bom gosto! Lembro-me que na minha adolescência, quando ainda tinha dúvidas quanto a minha condição sexual, você já brilhava no mundo artístico. Fiquei triste com sua passagem e acredito que muitos também ficaram. O nosso país mais do que nunca precisa de pessoas iluminadas como você! Conto de assistir as suas entrevistas, pois aprendo muito com elas. Você é minha diva mor! Que a sua energia e carinho permaneça entre nós e que você siga em paz querida.
  • em 05-09-2017 às 23:21 FELIPE
    Era uma pessoa iluminada e com um carisma sem igual. Tive o prazer de conversar com ela na sauna Lagoa certa vez. Isto fez concretizar o que ja sentia por ela Rogeria MARAVILHOSA , Saudades !!!!!!!!!!!
  • Mostrar mais comentários...