Justiça ordena igreja retirar outdoor contra ativismo LGBT

A Primeira Igreja Batista em Aracruz, no Espírito Santo, é conhecida por seu posicionamento conservador com relação a família tradicional.

por Redação MundoMais

Sexta-feira, 29 de Julho de 2022

O mural que defende que “a Bíblia é a única proteção contra o ativismo LGBTQIA+”, e traz a ilustração de uma família protegendo crianças de uma chuva de arco-íris gerou onda de protesto a ponto da justiça ordenar que o outdoor seja removido.

O caso começou a repercutir nas últimas semanas e aconteceu na Primeira Igreja Batista em Aracruz (Pibara), no Espírito Santo.

“Bem como que seja determinado que a requerida se abstenha de inserir mensagens de caráter preconceituoso ou discriminatório à comunidade LGBTQIA+”, concluiu juíza no mandato de citação direcionado à Primeira Igreja Batista em Aracruz.

A decisão da Justiça, proferida por meio da juíza Ana Flavia Melo Vello, descreve o outdoor como uma “mensagem ofensiva à população LGBT“.

Psicóloga conhecida no país, por ser alvo de processos por causa de seu posicionamento contra o ativismo LGBTQIA+, Marisa Lobo, disse que essa decisão pode ser considerada gravíssima.

“Desde quando ser contra o ativismo LGBT+ virou crime??? É proibido criticar? É proibido dizer que a Bíblia realmente protege contra as ideologias que contrariam os seus ensinamentos???”, disse a psicóloga cristã.

Lobo argumentou que não há mensagem discriminatória no outdoor com relação ao movimento.

Segundo ela, o conteúdo apresentado pela igreja é de cunho religioso defendendo os valores cristãos que são contrários a essa prática.

Comentários (7)
  • em 01-08-2022 às 01:13 Bernardo
    Os evangélicos costumam por a culpa das agruras de seus fiéis aos gays, religiões afros etc., quando os culpados por suas agruras são eles mesmos.
  • em 30-07-2022 às 22:10 Juju
    Esse gay q deu esse comentário enorne é um otário, eu odrio seita religiosa q quer controlar outros , que se dane ninguém vai escrever minha história melhor eu mesmo
  • em 30-07-2022 às 12:42 Jorge Jorge
    E todo gay que ainda não aprendeu a distinguir militância do ato de ser gay então continua sendo um otário, manipulado por um verdadeiro mercado de exploração.
  • em 30-07-2022 às 12:40 Jorge Jorge
    Afronta à liberdade de expressão. Mais uma. Ativismo judiciário horroroso. Ademais, a mensagem se coloca contra o ativismo LGBT, não contra os homossexuais.
  • em 30-07-2022 às 00:29 Dr. Fritz
    Cada um tem ou não uma crença, mas não pode impor suas posições aos aos demais. Essas Igrejas são abusivas.
  • em 29-07-2022 às 14:47 Zinho
    Por essas e outras , sou a favor de tacar fogo em todas as igrejas evangélicas com os pastores dentro....
  • em 29-07-2022 às 13:13 Tonho
    Eu sou gay? Sim. Mas.................A Biblia sagrada é SIM, a santa e imaculada palavra de DEUS PAI. Escrita por homens? Sim. Mas..................inspirada pelo santo espirito de Deus. E outra coisa, Deus não vai mudar sua palavra, para agradar a criatura, jamais! Em fim........Temos o famoso.............LIVRE ARBITRIO, vivemos como queremos, mais um dia, iremos prestar contas diante de DEus Pai, todos nos, ninguem ira escapar! Sou gay sim, mais tenho temor ao Soberano Papai do céu, Pois ele é santo, e não bagunça. Vejo muitos gays e heteros, fazendo xacota com DEus e sua palavra, mau sabe os tais, o preço que irão pagar mais tarde! Esse deus bonsinho, que é só amor, é um falso deus, para inganar os ncautos nessa terra, e leva los depois da morte para o inferno de tormentos eternos! O verdadeiro Deus não é só amor, é fogo consumidor, e justiça tb. O Deus verdadeiro, tb se ira, e se vinga........Duvida? É só ler a palavra, Biblia, que você irá comprovar o que estou dizendo. Em fim..........No resumo..........DEus fez o homem para a mulher, isso é um fato imutável, que Papai do céu estabeleceu, quem não gostar do que Deus diz ser o certo, reclame com ele. Não aconselho vc discutir com DEus não, em fim..................Boa tarde.